Haitianos comemoram 5 anos na IEADJO Shalom

Haitianos comemoram 5 anos na IEADJO Shalom
28/09/2020

Entre 2010 e 2015 o Brasil recebeu cerca de 72 mil haitianos, de acordo com os dados do Sistema de Tráfego Internacional (STI) da Polícia Federal (OBMIGRA, 2016), logo após um terremoto que atingiu o país. Desses, 70.000 continuam no país. 

whatsapp_image_2020-09-30_at_12.36.33_0.jpeg

Muitos deles foram abraçados e recebidos pela Igreja Evangélica Assembleia de Deus, no Brasil, que chegam a oferecer, inclusive, cultos bilíngues. Este é o caso da IEADJO que há mais de 6 anos, através do Pastor Anderson Nunes, começou a receber os primeiros haitianos nas congregações do Bucarein e Guanabara.

whatsapp_image_2020-09-30_at_13.21.26.jpeg

Logo depois, em setembro de 2015 um pequeno grupo chegou à Ieadjo Shalom, até então supervisionada pelo Pastor setorial Adriano Bento, que o recebeu e então oficializou o culto, que passou a acontecer todos os domingos às 10h30 em criolo e francês.

whatsapp_image_2020-09-30_at_12.36.32_1.jpeg

Hoje, 5 anos depois, o trabalho continua, supervisionado pelo Pastor setorial Joary Carlesso, e na direção do Pastor Marcken Jackson Mesilien.

whatsapp_image_2020-09-30_at_12.36.32_4.jpeg

Como forma de comemoração, no último domingo, 27, um culto em ação de graças aconteceu na igreja que contou com brasileiros e haitianos. O Pastor Anderson Nunes, da Ieadjo Betesda, esteve ministrando a palavra e o grupo de haitianos louvou ao Senhor.

whatsapp_image_2020-09-30_at_12.36.32_3_0.jpeg

O Presidente da IEADJO, Pastor Sérgio Melfior, também esteve participando e ministrando uma palavra aos irmãos presentes.

whatsapp_image_2020-09-30_at_12.36.31.jpeg

Atualmente congregam 160 irmãos haitianos na IEADJO Shalom. Além do culto, são desenvolvidas diversas atividades voltadas para haitianos na congregação.

Esta é uma das iniciativas apoiadas pela IEADJO, uma igreja acolhedora, evidenciando assim sua relevância ao longo dos 87 anos que atua em Joinville.

 

mayara.hoffmann
Mayara Hoffmann
Jornalista e Discipuladora Instagram: @mayahoffmann E-mail: mayara.hoffmanns@gmail.com

Comentar

16 + 1 =
Para evitarmos "spams". Resolva esta simples operação matemática. Exemplo: 1+3, digite 4.