Um serviço de Excelência é um grande Diferencial!

Um serviço de Excelência é um grande Diferencial!
14/06/2021

Você já parou para pensar qual é a grande diferença entre as empresas de sucesso, reconhecidas no mercado por sua excelência? O grande diferencial das empresas que se destacam pela excelência é a qualidade dos recursos humanos.

Não é isso que dizem os especialistas. Eles são unânimes em afirmar que: o principal ativo de uma companhia não está em sua estrutura nem nos seus equipamentos, nem corresponde aos seus métodos. O grande diferencial das empresas que se destacam pela excelência é a qualidade dos recursos humanos. Orientam eles, que é necessário observar quatro coisas fundamentais: currículo, conhecimento, experiência profissional e o perfil comportamental dos contratados. Segundo dizem, o prestador de serviço por excelência apresenta no mínimo cinco qualidades destacáveis, as quais são:

Comunicativo - O profissional comunicativo costuma ter uma habilidade especial para tornar claros os objetivos de um projeto; reunir o grupo em torno deste objetivo; mediar divergências ou conflitos que possam surgir durante a execução das tarefas; promover um clima de aceitação que faz com que os membros da equipe expressem seus pensamentos, opiniões, problemas e soluções de forma livre.

Executor – É o motor que leva a empresa a destacar-se por um produto ou um serviço espetacular. São aqueles colaboradores que literalmente colocam a mão na massa, fazem o esforço e as tentativas necessárias para que uma grande ideia se transforme em um produto ou serviço espetacular.

Comprometido - Toda companhia precisa contar com aqueles funcionários que encaram qualquer desafio pela empresa e com os quais ela pode contar em qualquer situação.  Esta qualidade é identificada quando a pessoa demonstra ser disciplinada. Isto, é, cumpre os prazos e horários estabelecidos pela empresa; procurando aprender para fazer seu trabalho de forma mais eficiente; termina as tarefas que inicia, procura soluções para os problemas ao invés de reclamar ou fazer parte deles; colabora com todos os departamentos da empresa, através de suas ideias e esforços e não se acomoda e procura sempre atingir as metas propostas.

O criativo - É aquele que olha para um objeto ou situações convencionais e imagina como eles podem ser utilizados ou realizados de outra forma. Por isso, o criativo é exatamente o indivíduo que soluciona problemas de forma simples e inovadora.

O visionário - É o colaborador que tem o foco não no processo atual, mas no futuro, em onde a empresa pode chegar. Sua capacidade de enxergar tendências e abstrair uma visão micro e macro do negócio pode gerar oportunidades valiosas para a corporação, imaginar e implantar ações inovadoras. Ouvir esses indivíduos pode colocar a empresa à frente da concorrência.

Nesta visão, vemos claramente que não se pode ser diferente ao exercício de uma liderança e de ministério cristão.  A obra de Deus requer que seus executores trabalhem com comprometimento, dedicação, esforço, ânimo e criatividade. A obra de Deus não pode ser levada ao segundo nível. Ela precisa estar sempre em primeiro lugar, haja vista, ser uma obra santa e que tem prazo de validade. Logo os trabalhos serão vindos e Jesus os saudará bem vindos. Pela fé já avistamos a faixa de boas vindas com os dizeres: “Vinde benditos de meu Pai, possui por herança o Reino que vos está preparado. Fostes Fiel no pouco, sobre muito Eu te colocarei”, palavras de Jesus. No conselho do apostolo São Paulo para os irmãos da cidade de Corinto, desta que a o servido por excelência deve ser firme, constante e abundante: “Portanto, meus amados irmãos, sede firmes e constantes, sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que o vosso trabalho não é vão no Senhor.” I Coríntios 15.58.

Se na área secular, a grande diferença entre as empresas de sucesso, reconhecidas no mercado por sua excelência se destacam pela qualidade dos recursos humanos, muito mais na execução das obras do Reino de Deus. Na área secular, as mentes inteligentes brilham a luz de uma sabedoria humana, terrena, com qualidades intelectuais e vocação natural. No ministério cristão, as mentes inteligentes brilham a luz de uma sabedoria divina, vocação espiritual e com qualidades despertadas e capacitadas pelo Espirito Santo. Então, somente temos uma alternativa: prestar um serviço de excelência. Nosso comandante eterno, Jesus Cristo, fundador da igreja e doador dos dons e talento, capacita-nos dia a dia, a medida que O buscarmos e estarmos em sua dependência.

Vamos à obra. Ninguém detém, é Obra Santa!
        
Por Pr. Adair Afonso Tourinho
Técnico em contabilidade, Jornalista, Escritor, Bacharel em Teologia e Mestre em Ciência da Religião.
Palestrante em seminários de lideranças, obreiros, casais, educação cristã e outros,
Professor de diversas matérias teológicas,
Ministro Evangélico.

Demétrio Daniel dos Santos Ferreira
Obreiro da IEADJO, Locutor na Rádio 107,5 FM. Jornalista - MTB SC 6144 JP

Comentar

9 + 1 =
Para evitarmos "spams". Resolva esta simples operação matemática. Exemplo: 1+3, digite 4.